segunda-feira, 28 de abril de 2014

Polícia descobre trinta mil pés de maconha na zona rural do município de Saúde

No último sábado, 26/04/2014, por volta das 07h00, Policiais Militares da 24ª CIPM/Jacobina, lotados no 3º Pelotão/Saúde, em ação conjunta com uma Guarnição do PETO (Pelotão de Emprego Tático Operacional) também da 24ªCIPM, e uma Guarnição da CIPE-CAATINGA, totalizando 14 (quatorze) policiais ao todo, durante a realização de diligências com o objetivo de verificar a existência de uma plantação de maconha na zona rural do município de Saúde, deslocaram-se para a localidade conhecida como Grota das Oliveiras, acerca de 10 KM daquela cidade, local onde os policiais militares desembarcaram das viaturas e adentraram ao mato em direção ao local informado. Após cerca de 5 KM de caminhada por terreno íngreme e de difícil acesso, por volta das 13h00, os policiais identificaram uma tubulação de água, a qual, pela sua localização, poderia levá-los a suposta plantação. 

Ato contínuo, os militares seguiram a tubulação, e logo em seguida localizaram à plantação. Entretanto, os seus ocupantes (em número de seis a oito elementos), ao perceberem a presença da PM, passaram a deflagrar disparos de armas de fogo contra os policiais, que por sua vez, para repelir a injusta agressão, revidaram e atingiram dois elementos que caíram feridos, sendo que os demais evadiram-se pelo matagal. Aproximando-se dos elementos alvejados, constatou-se que os mesmo não possuíam identificação pessoal, e que devido aos ferimentos e ao acesso difícil vieram a óbito no local. 

Com os elementos foram encontrados 01 (um) revólver Taurus, calibre .38, com numeração 4936886, contendo 06 (seis) cartuchos deflagrados, e 01 (um) revólver Rossi, calibre . 22 LR, nº 541312, acabamento inox, contendo 03 (três) cartuchos deflagrados e o3 (três) intactos.

Ao efetuar buscas no local, foram encontrados ainda 01 (um) revólver Rossi, calibre .38, com numeração raspada, sem munições, e 01 (uma) espingarda CBC, modelo 651, calibre . 32, nº 400376, e 13 (treze) munições intactas e uma deflagrada que estava dentro da espingarda.
O local possuía uma quantidade estimada de 30.000 (trinta mil) pés de maconha, com altura média de 1,5 (um metro e meio) distribuídas em duas roças. Continha ainda 04 (quatro) tanques utilizados na irrigação e um acampamento com rede , alimento e utensílios utilizados na estadia dos marginais. Foi coletada uma amostra para apresentação na DEPOL e os demais pés da droga foram incinerados no local.

As diligências com a retirada de todo o material e dos policiais envolvidos foi conclusa já na noite do dia 27/04/2014.
Todo o material apreendido, os corpos, os policiais envolvidos registraram a ocorrência e o Auto de resistência na DEPOL de Jacobina ao Delegado Plantonista Damião Lacerda. Com informações do Notícia Livre.

Nenhum comentário:

Postar um comentário